Twitter vendido a Elon Musk por US$ 44 bilhões

elon
A rede social muda de mãos e, em meio ao valioso negócio, surge o controle pessoal de Musk sobre a veiculação de informações

O homem mais rico do mundo não desistiu e levou a rede do "passarinho". O Twitter anunciou oficialmente um acordo definitivo com Elon Musk para a venda total da rede social ao bilionário, pela quantia de US$ 44 bilhões.

Uma vez concluída a transação, a rede terá o capital fechado – ou seja, não será mais negociada em bolsa de valores, o que dará mais controle a Musk. O acordo foi anunciado pela companhia em um press release.

A venda da rede social gerou polêmica, diante do controle exercido somente por um mega empresário. Surgem questionamentos acerca de como a rede poderá atuar na influência aos mercados e politicamente, sobretudo, liberando contas de extremistas.

O Twitter é uma das mais valiosas redes sociais e traz informações instantâneas, sobretudo no âmbito político, econômico e cultural. Informação é dinheiro, mas há também o aspecto ideológico, que pesa na questão.

Perfil

Musk é bilionário e o mais rico do mundo. É fundador de empresas como Tesla e SpaceX, conseguiu financiamento de US$ 25,5 bilhões e vai colocar US$21 bilhões de seu próprio patrimônio.