TIM atinge 62% das cidades do NE com 4G; 16 a mais no Ceará

img1
A operadora destaca que superou as metas firmadas com Anatel para ampliação do 4G no Brasil

A democratização do acesso à conectividade é uma das prioridades da TIM. E, após um ano do compromisso assumido com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) por meio do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), a TIM supera as metas de ampliação da cobertura 4G.

A operadora já oferece a tecnologia de quarta geração para 4.188 cidades do Brasil, de acordo com a última atualização do Teleco (fechamento maio). A marca foi atingida incluindo a cobertura de cidades com menos de 30 mil habitantes, que não contavam com esse serviço de telefonia móvel.

Ceará

Atualmente, o sinal 4G da TIM está presente em 156 municípios do Ceará, em todas as regiões do Estado. Somente no último ano, de maio de 2020 até o mesmo mês deste ano, a tecnologia foi ativada em 16 municípios, o que representa mais de uma cidade por mês recebendo o sinal, e um crescimento de 11,5% no período. Ano passado, eram 140 cidades com a tecnologia de quarta geração.

Desde o fim de junho, a TIM ativou o sinal 5G DSS (funcionalidade que utiliza as frequências atuais da rede 4G e possibilita um uso otimizado) em dois bairros de Fortaleza: Aldeota e Meireles. Estes pontos passam a oferecer a prévia do sinal de quinta geração para clientes da operadora que possuem aparelhos compatíveis.

Nordeste

O Nordeste foi a região mais contemplada, com 62% das localidades que passaram a ser cobertas pelo sinal. Até dezembro, a TIM atenderá a mais 140 municípios no País, um ano antes do previsto. No fim de 2020, a operadora já havia chegado a 210 cidades — dez a mais do que o cronograma original estabelecido pelo TAC para os seis primeiros meses do acordo firmado com a agência.

Compromisso

De acordo com o compromisso, a TIM levará o sinal 4G para os municípios que ainda não contam com essa tecnologia nem com serviços de conectividade, beneficiando mais 2,6 milhões de pessoas nas regiões Norte e Nordeste, e nos estados de Goiás e Minas Gerais.

“A conectividade é o caminho para a criação de novas possibilidades. Por isso, estou muito orgulhoso do trabalho que fizemos durante esse primeiro ano do TAC. Levar o 4G é um compromisso que temos com a sociedade, pois a tecnologia muda a vida das pessoas. Por trás desses números apresentados, existem muitos outros aspectos importantes: geração de empregos e negócios, ampliação de ações de educação e saúde, melhorias inestimáveis para mais de 2 milhões de pessoas. É para isso que trabalhamos dia a dia”, explica o CEO da TIM Brasil, Pietro Labriola.

Vantagens tecnológicas

Quase todos os municípios atendidos também usufruem da tecnologia VoLTE, que utiliza a rede 4G para chamadas de voz. Assim, os clientes têm vantagens como alta qualidade nas ligações, com maior cobertura, chamadas completadas em menos tempo e redução do consumo de bateria do celular.

A operadora vem também ativando as frequências de 700MHz, com ainda mais qualidade e alto desempenho, principalmente em ambientes internos, por terem maior alcance e poder de penetração.

Chamadas de emergência

Pelo acordo, a TIM também melhorou o encaminhamento de chamadas para serviços de emergência, contribuindo para o aprimoramento do acionamento das forças de segurança pela população.