Vendas em supermercados sobem até 5% em junho

img1
Conforme o presidente da Acesu, Nidovando Pinheiro, a alta acontece, sobretudo, devido às pequenas celebrações em casa, reunindo familiares

Depois do Dia das Mães e do Dia dos Namorados, as comemorações juninas, mesmo em casa, aquecem o varejo supermercadista, elevando a venda de alimentos típicos da época.

A Associação Cearense dos Supermercados (Acesu) estima que o período junino deve elevar o consumo nas redes cearenses em até 5% em comparação ao ano de 2020, mesmo diante do impacto provocado pela pandemia. 

Conforme o presidente da Acesu, Nidovando Pinheiro, a alta acontece, sobretudo, devido às pequenas celebrações em casa, reunindo familiares.

“A expectativa positiva para o setor são as pequenas comemorações em casa ou até mesmo no trabalho, já que as tradicionais quermesses e festas em escolas, clubes e igrejas não vão ser realizadas. Mas os supermercados estarão abastecidos com os itens juninos para atender bem o consumidor, e estimamos venda superior ao ano passado, sobretudo devido a ampliação da campanha de vacinação do coronavírus”, afirma.