Senai reativa conserto de respiradores e faz doações

img1
Até agora, o Senai consertou mais de 1.100 ventiladores pulmonares. Quase 140 já foram devolvidos. Cerca de 500 já estão em manutenção

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Ceará) reativou a ação de conserto de respiradores hospitalares de graça, em vários estados. Os equipamentos são usados no tratamento de casos mais graves de covid-19. Até agora, o Senai consertou mais de 1.100 ventiladores pulmonares. Quase 140 já foram devolvidos. Cerca de 500 já estão em manutenção.

Além disso, o Senai enviou no sábado (18/4) para Macapá Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), entre 2 mil protetores faciais, 1000 máscaras de TNT e 100 aventais.

A iniciativa faz parte de uma força tarefa do Senai em diversos estados juntamente com as Forças Armadas para ajudar no combate ao coronavírus em todo o País.  Equipamentos

A operação também envolveu o envio de 10 respiradores hospitalares de Belo Horizonte, que haviam sido consertados pelo Centro de Inovação e Tecnologia (CIT), do Senai/MG.  De Salvador, saíram 300 máscaras de proteção e outros equipamentos que irão reforçar o combate ao coronavírus em Macapá.

Com o remanejamento da malha aérea brasileira, durante o período de pandemia, Macapá está recebendo apenas um voo comercial semanal, às quintas-feiras, na linha Brasília/Macapá, Macapá/Brasília.

Além disso, a capital do Amapá não tem ligação terrestre com nenhuma outra capital brasileira. Com a dificuldade de logística, o Senai e as Forças Armadas estão trabalhando para transportar os equipamentos que podem salvar vidas no estado.