Um toque de modernidade na cozinha do Ceará

img1
Curso da série Cozinhar para Vender, do Senac Ceará, traz receitas e preparos da Cozinha Cearense Atual. Na foto, Peixe com pirão Foto: Gentil Barreira

O próximo curso da série Cozinhar para Vender, do Senac Ceará, traz receitas e preparos da Cozinha Cearense Atual. Com a valorização do movimento dos insumos e da cozinha de origem por todo o mundo, se observa no mercado a valorização de negócios voltados para a culinária local com uma proposta moderna. Não á toa se destacam as cozinhas de restaurantes como Mangue Azul, Zói, Uru e Mayú.

“A cozinha cearense atual perpassa a valorização dos insumos que nos oferecem os três biomas que definem a culinária local: mar, serra e sertão. Esses são os três pilares, com sua cultura alimentar e ingredientes específicos”, diz o chef do restaurante Mayú, Ivan Prado. Ele defende que a construção do moderno exige a compreensão do passado: “Na minha visão, a cozinha cearense atual se caracteriza pela utilização de técnicas de cozinha universais, tendo como base os ingredientes regionais, como discurso de afirmação dessa história e cultura”, define.

Inscrições abertas

Voltada para os profissionais, estudantes e apreciadores da Gastronomia, o Senac Ceará forma a turma do curso remoto Cozinhar pra Vender: Cozinha Cearense Atual, ministrada pelo instrutor Robério Marques. A previsão de início é no dia 4 de maio e as aulas são no período da noite, pelo YouTube. É preciso acesso à Internet via celular, tablet ou computador.

“A valorização da comida de território, com o intuito de fomentar a economia local, assim como promover a saúde através de uma alimentação mais fresca, tem sido indicada pelas autoridades do assunto, inclusive, como uma possível solução para questões outras, como o combate a fome ou a distribuição de alimentos”, destaca a consultora de Gastronomia do Senac Ceará, Vanessa Santos.

No entanto, a comida enquanto cultura, é um produto resultado do hoje, ou seja, a elaboração de cardápios e/ou de produtos alimentares, mesmo que usem insumos locais e receitas tradicionais, devem estar alinhados aos interesses atuais sendo capazes de juntar criatividade a sabores conhecidos. O aluno dessa turma sai apto a elaborar cardápios de acordo com esses propósitos.  

Entre as receitas contempladas no curso estão: Filé de Atum Selado na Manteiga de Ervas e Pirão de Queijo Coalho; Dadinhos de Tapioca e Geleia de Pimentão; Filé Suíno Flambado na Cachaça com Barbecue de Tamarindo; Camarão Crocante e Arroz Cremoso de Parmesão e Coalho; Crispy de Torresmo; dentre outras.

Serviço

Curso Cozinhar para Vender: Cozinha Cearense Atual

Data: De 04 a 14/05

Horário: De 19h às 21h

Valor: R$ 99,00

Inscrições: https://www.ce.senac.br/cursosremotos/