Semana Nacional dos Museus tem programação online

img1
De 17 a 22 de maio, Museu da Cultura Cearense e Museu de Arte Contemporânea trazem 7 ações educativas, entre lançamento de publicação, oficinas e debates ao vivo Foto: Luiz Alves

Em comemoração ao Dia Nacional dos Museus, celebrado nesta terça-feira, 18 de maio, será realizada a 19ª edição da Semana Nacional dos Museus, ação promovida anualmente pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM) e integrada pelos Museus do Dragão do Mar. 

Entre 17 e 22 de maio, o Museu da Cultura Cearense (MCC) e o Museu de Arte Contemporânea do Ceará (MAC Dragão) participam com ações virtuais com o tema "O futuro dos museus: recuperar e reimaginar". 

Além de mediação com escola em plataforma fechada, a programação inclui debates ao vivo, oficinas e lançamento de publicação digital, que serão realizadas nos canais de comunicação do Dragão do Mar (youtube.com/dragaodomarcentro), do MCC (@mcc_dragaodomar), do MAC (@macdragao) e da Secult-CE (youtube.com/secultcearagov). Com boa parte das ações acessíveis em Libras, a programação é gratuita e livre.

Agenda

Abrindo a programação dos Museus do Dragão na Semana Nacional dos Museus, na segunda-feira (17), a partir das 16h, o MAC Dragão lança no seu Instagram (@macdragao) a video-oficina “Museus de papel”.

Inspirada nas experimentações construtivistas presentes nas obras dos artistas visuais Hélio Rôla e Sérgio Pinheiro, que podem ser conferidas nas exposições “Um Atlas para Hélio Rola” e “Um desvio nem sempre é um atalho”, com passeio virtual disponível no canal do Dragão no YouTube, a oficina será ministrada pela educadora Carla Vieira, que convida os espectadores a reaproveitarem pequenas caixas de papelão para elaborarem seus próprios museus de papel.

Reflexão

Na terça-feira (18), às 18h, os educadores Renata Frota, Kauan Pirani, Antônio Jarbas e Andrea Dalveroni, que integram os núcleos educativos do MCC e do MAC Dragão, convidam educadores e profissionais de museus para refletir sobre possíveis caminhos para a atuação educativa em espaços museais e o papel social desses espaços. A live "Que museu queremos?" também compõe a programação do Sistema de Museus do Ceará e será transmitida no canal da Secult Ceará.

Outra ação que também integra a programação do Sistema de Museus do Ceará e será transmitida no canal da Secult Ceará será a live “Projeto Acesso e acessibilidade em museus: uma história educativa”, que será realizada na quarta-feira (19), às 15h. Mediada pelo educador João Paulo Lima, a conversa reunirá Carlos Viana, Lara Lima e Márcia Moreno, membros do Projeto Acesso, para lançar luz sobre novos caminhos para a inclusão de pessoas com deficiência, revisitando ações já realizadas e debatendo novas possibilidades para a acessibilidade nos espaços museais do futuro.

Na quinta-feira (20), o MCC realizará mais uma edição do Museu Vai à Escola virtual. Em sala virtual fechada para instituição pública de ensino previamente agendada, os educadores Kauan Pirani, Renata Frota e Ícaro Souza ministram a oficina virtual “carta para o museu do futuro”, para sensibilizar o público sobre o papel da comunidade na construção e preservação de seus museus, patrimônios e de sua memória coletivo, a partir de atividades de imaginação e escrita.

Ainda na quinta (20), às 16h, o MAC Dragão realizará no YouTube do Dragão o “Conversas de Museu”. Os educadores Vinícius Scheffer, Chico Porto, Gabriel Ferreira, Andrea Dalveroni, Antonio Jarbas e Carlos Costa falarão sobre a atuação do núcleo educativo no processo de pesquisa e curadoria, a partir da experiência da seleção das obras para a exposição "Um desvio nem sempre é um atalho", bem como compartilharão as vivências na elaboração de ações educativas..

Futuro

Na sexta-feira (21), às 16h, no Instagram do MCC e do Dragão do Mar, o MCC lançará a mini-publicação virtual “Que museu queremos para o futuro?”. De autoria colaborativa, a publicação traz memórias, depoimentos, ideias, fotografias, desenhos e outras formas de registro enviadas pelos públicos do MCC por meio de formulário e e-mail. A ideia é construir, a partir dessa troca, uma relação entre a memória do público e o futuro que querem para o Museu da Cultura Cearense.

Sentimentos  

Encerrando a participação dos Museus do Dragão na Semana Nacional dos Museus, no sábado (22), a partir das 16h, o MAC Dragão exibirá no seu Instagram a vídeo-oficina “Sentimentos Gravados”, ministrada pelo arte-educador e realizador audiovisual Ka Moreira. Através de experimentações a oficina busca Inspirada nas obras de Leya Mira Brander, artista que participa da exposição “Um desvio nem sempre é um atalho”, a oficina faz uma introdução ao universo das gravuras por meio da técnica da isogravura, convidando o público a expor suas criações, realizar uma exposição dentro de casa e marcar o @macdragão.

Para Valéria Laena, gestora do Núcleo de Museus do Dragão, o tema da Semana é fundamental para refletir sobre o atual momento e lançar luz sobre novas possibilidades. "O futuro dos museus é agora! Tem sido com criatividade e responsabilidade que novas formas de trabalhar, principalmente no meio virtual, imperativo em época de pandemia, façam os museus encontrarem novos públicos e, de fato, parece haver uma troca mais positiva e sólida para juntos usufruirmos arte e cultura, refletirmos sobre nossas memórias e histórias, repensarmos nossos acervos, ampliando nossos olhares", afirma Laena.

"A Semana dos Museus é um evento anual importante para que, de alguma forma, os museus do Brasil se comuniquem e interajam. Neste momento, compartilhar e conhecer os desafios vividos por cada uma dessas instituições gera uma força de ir em frente, construindo ações museológicas importantes, mesmo que no mundo virtual, e assim descobrir cada vez mais o que pode um museu", afirma Cecília Bedê, gestora do MAC Dragão.