Economia do CE cresce 1,26% em dezembro, mas cai 2,79% em 2020

pib
Economia cearense está sendo resiliente, mas sofre o impacto negativo da pandemia de Covid19

A atividade econômica no Ceará fechou 2020 com uma retração observada de 2,79%, menor que a média do País, que foi de 4,05%, de acordo com a prévia do Produto Interno Bruto (PIB), analisada pelo Banco Central, o IBC-BR. O indicador observado em dezembro no Estado, pelo IBC-CE, foi de um crescimento de 1,26% comparado ao mês anterior.

Se considerado o indicador dessazonalizado, em dezembro de 2020, a economia cearense cresceu 0,33% frente ao mês anterior e também registrou expansão de 2,53% comparando-se o último trimestre do ano contra o anterior.

Pandemia impacta

O Ceará mantém um desempenho melhor que a média nacional e mostra resiliência, de acordo com os números captados pelo Banco central. Entretanto, sofre o impacto negativo da pandemia de Covid19, que atingiu em cheio alguns setores que estão na matriz de desenvolvimento do Estado, sobretudo os serviços, calcados nas atividades de comércio e turismo.