Mercado imobiliário fecha 2020 com R$ 2,117 bi em vendas

fortal
Dezembro foi um mês de destaque nas vendas de imóveis, com um crescimento de 60% em número de unidades, frente ao mês anterior, incluindo habitações do tipo econômico. Para 2021 são projetados R$ 3 bi em lançamentos Foto: Freepik

2021 deverá contar com cerca de R$ 3 bilhões em valor de vendas de lançamentos imobiliários em Fortaleza. Já 2020, o ano em que a pandemia mudou o rumo dos negócios, terminou positivo para o mercado do setor em Fortaleza e Região Metropolitana com R$ 2,117 bilhões comercializados, totalizando 5.673 imóveis de todos os segmentos, incluindo o Minha Casa Verde Amarela.

O crescimento das vendas foi de 13% em relação ao resultado de 2019, enquanto no Valor Geral de Vendas (VGV) subiu 5% na mesma comparação.

Além disso,  voltaram os lançamentos em 2020, comemora Ricardo Bezerra, sócio-diretor executivo da Lopes Immobilis, que realiza o Flash Imobiliário, radiografia do setor que analisa o desempenho de 68 construtoras/incorporadoras.

Dezembro em destaque

O mês de dezembro foi o destaque, com o número de unidades imobiliárias vendidas 60% maior que o mês anterior, incluindo os chamados imóveis econômicos do Minha Casa. No total, foram 728 imóveis, contra 455 no mês anterior. Além disso, a Velocidade de Vendas sobre a Oferta (VSO) fechou o ano em 8,42%. Melhor desempenho desde 2015. "A taxa de juros em 2% ao ano (Selic) faz com que as pessoas tirassem dinheiro de banco e colocassem na produção", assinala Ricardo Bezerra.
 

O VGV, entretanto, foi menor em dezembro, com recuo de 18%, totalizando R$ 229 milhões, ante R$ 280 milhões no mês anterior. A queda no valor deve-se ao tipo de empreendimento comercializado, com menor valor de venda, no último mês de 2020, comparado ao de igual mês de 2019. Os descontos em 2020 chegaram a ficar acima de 20%.

Residenciais verticais

Os residenciais verticais terminaram o ano com 11 lançamentos, mostrando uma reação à redução no estoque.  As vendas em todo o ano de 2020 cresceram 4% neste segmento, com 1.795 unidades comercializadas e o VGV foi de R$ 1,31 milhões, queda de 6% ante 2019. Mas aparece em dezembro o diferencial, com a comercialização de 319 unidades, nada menos que 129% acima de dezembro do ano anterior. O VGV foi 17% menor, somando R$ 160 milhões.

Minha Casa

Segmento que não sentiu a pandemia, o Minha Casa Verde Amarela vendeu em dezembro de 2020 um total de , 392 unidades, 4% acima do mês anterior com valor de vendas de R$ 56 milhões, 6% acima de novembro.