Saúde: Hapvida e Intermédica concluem fusão

img1
União das empresas cria o maior sistema de saúde suplementar do País e do hemisfério sul

Duas empresas brasileiras líderes em saúde suplementar, o Sistema Hapvida e o Grupo NotreDame Intermédica (GNDI), informaram que irão concluir sua fusão nesta sexta-feira (11/2). A Companhia resultante dessa união representa o maior sistema de saúde suplementar do Brasil e do hemisfério sul, com cerca de 15 milhões de beneficiários, 60 mil colaboradores e 7 mil leitos de atendimento.

Ganhos de R$ 1,38 bi

Semelhantes em sua filosofia de gestão, as duas Companhias têm complementaridade geográfica e uma vasta gama de produtos, estruturas hospitalares e soluções em saúde. Em comunicado ao mercado, os gestores das empresas estimaram que a fusão deve gerar, ao longo dos três próximos anos, ganhos de sinergia estimados em R$ 1,38 bilhão de Ebitda, em termos recorrentes a partir desse período. 

A cifra corresponde ao resultado da redução de custos, da otimização de despesas e do aumento de receitas que serão promovidos com a combinação das atividades das Companhias.  

Empresários

"A união de duas empresas que possuem as melhores práticas de saúde traz enormes benefícios para a população brasileira”, afirma Jorge Pinheiro, presidente do Sistema Hapvida. “A inovação faz parte dos pilares das duas Companhias, que veem a tecnologia como forte aliada na missão de cuidar de vidas".
 

Irlau Machado Filho, presidente do GNDI, encara a fusão como um importante marco na história da saúde suplementar do País.  "Saúde para valer tem de ser do tamanho do Brasil: unida, inteira, presente na vida das pessoas”, afirma. “As duas Companhias juntas formam um divisor de águas na história da medicina no país, dando um impulso inédito para a promoção de saúde inovadora e eficiente por um preço acessível".

Origem

Presente em todo o Brasil, o Sistema Hapvida teve início em Fortaleza, em 1979, quando o médico oncologista Candido Pinheiro de Lima inaugurou o Hospital Antônio Prudente, um dos mais modernos da cidade. A projeção veio quando Candido criou, em 1993, a operadora Hapvida Saúde. A partir de então, a operadora iniciou sua expansão por todo o território nacional. A companhia foi uma das primeiras do setor da saúde suplementar a realizar IPO no Brasil, em abril de 2018.

O Grupo NotreDame Intermédica (GNDI) foi fundado em 1968. A empresa é pioneira em medicina preventiva, área em que atua desde 1982, por meio da promoção de programas que oferecem saúde integral e odontologia para clientes empresariais e individuais. A Companhia também abriu capital em 2018, marco que potencializou ainda mais a capacidade de investimentos.