90 empreendedores se capacitam para fornecer no CIPP

img1
A iniciativa, em conjunto com o Sebrae, chama-se Território Empreendedor e busca tornar as empresas participantes mais competitivas para serem fornecedoras de empresas do Complexo Industrial e Portuário do Pecém  

Teve início a capacitação de 90 micro e pequenos empresas dos municípios de São Gonçalo do Amarante e Caucaia, que se inscreveram na Trilha de Capacitação ofertada pelo Território Empreendedor, programa da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), em parceria com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Ceará (Sebrae/CE). 

O evento foi realizado nesta segunda-feira (23/8), de forma online, com a presença do presidente da CSP, Marcelo Botelho; do diretor administrativo da CSP, Chiho Chang; além de representante da prefeitura municipal de Caucaia e de São Gonçalo do Amarante.

A aula magna contou com palestra do especialista em Marketing, Bruno Leitão, com o tema “Enfrentando a crise e aumentando as vendas”. Serão mais de 100 horas de capacitações distribuídas em workshops online e consultorias presenciais.  

A gerente de Relações com Comunidades da CSP, Cristiane Peres, celebrou o início do terceiro ciclo do programa. “O propósito é tornar essas empresas mais competitivas para que possam fornecer seus produtos e serviços para grandes empresas do Ceará, incluindo a CSP. Com essa visão, reunimos esses empreendedores locais e nossos parceiros para juntos darmos início a mais uma ação do Território Empreendedor”, compartilhou Cristiane Peres.  

Desenvolvimento regional

O superintendente do Sebrae/CE, Joaquim Cartaxo, destaca que a capacitação é a sequência de uma parceria entre a instituição e a CSP que tem o objetivo de promover o desenvolvimento regional, por meio do incentivo ao empreendedorismo. “Agora, queremos aprofundar ainda mais este trabalho com o programa de Encadeamento Produtivo, que irá capacitar as empresas do entorno da CSP para que elas possam fornecer produtos e serviços para as grandes empresas do Complexo Industrial e Portuário do Pecém, gerando mais empregos e renda no próprio território”.  

Crescer com as comunidades  

O Território Empreendedor foi criado em 2014 e, desde 2017, é realizado em parceria com o Sebrae/CE. Quando a CSP se instalou no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP), comprometeu-se com um grande desafio: crescer junto com as comunidades vizinhas à siderúrgica, sendo agente de mudanças e buscando o desenvolvimento sustentável.  

Um dos participantes deste novo ciclo do programa é o Antônio Rogério Coelho, de 33 anos, que mora em Caucaia e tem a empresa Majora Assessoria há um ano e meio.  Para ele, a oportunidade foi uma boa surpresa.

“Eu fiquei encantado. Fui pesquisar sobre o projeto e achei fantástico a CSP propor esse trabalho de melhoria para as empresas da região. A gente tem muita carência de qualificação aqui em Caucaia. Fiquei com muitas expectativas nesse sentido de me capacitar e de criar métricas de melhorias para que eu possa operacionalizar no meu negócio e poder transferir para os meus clientes”.  

Números do Território Empreendedor  

- 90 empresas de São Gonçalo do Amarante e Caucaia participantes do terceiro ciclo, no período de 2020 a 2023;
- R$ 1,1 milhão, divididos igualmente entre CSP e Sebrae/CE, sendo investidos atualmente;
- 9 temas serão trabalhados nas capacitações;
- R$ 2,8 milhões foram investidos até 2019, com a oferta de atendimentos especializados, formalizações, cooperações e capacitações;
- 1.000 pessoas, aproximadamente, foram beneficiadas diretamente entre 2018 e 2019;
- R$ 40,6 milhões investidos pela CSP em programas de responsabilidade social desde a sua constituição, incluindo o Território Empreendedor e outros.