Associação Peter Pan completa 25 anos e terá programa especial

img1
Criada em 1996, a ONG vem transformando o cenário do câncer infantojuvenil nas regiões Norte e Nordeste nos últimos 25 anos

Com mais de duas décadas atuando no apoio às famílias que enfrentam a difícil luta contra o câncer infantojuvenil, a Associação Peter Pan comemora suas bodas de prata com uma edição especial do programa Corpo e Estilo de Vida, transmitido pela TV Cidade, no próximo sábado (10/04), às 14h. 

Com a apresentação dos irmãos Cleane e José Fontenele, o programa trará depoimentos de pessoas que fizeram parte da trajetória da instituição, como os fundadores, funcionários, voluntários, pacientes em tratamento e curados, parceiros, doadores, padrinhos, profissionais de saúde e muito mais.  

Com a colaboração de diversas empresas, doadores e voluntários, a entidade construiu um local que hoje é referência no tratamento do câncer infantojuvenil em todo o estado, o Centro Pediátrico do Câncer (CPC).

Em parceria com o Hospital Infantil Albert Sabin, o CPC tem atendido milhares de pacientes e familiares todos os anos. Atualmente, cerca de 1.100 crianças e adolescentes por mês recebem assistência social no tratamento contra o câncer. 

Infraestrutura

Atualmente o prédio possui uma área de 4.995 m² formada por leitos, Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), enfermarias, consultórios médicos, além de espaços diferenciados como a Brinquedoteca, Espaço do Adolescente, ABC+Saúde e diversos outros que proporcionam conforto, entretenimento e qualidade de vida ao paciente e sua família.  

Atendimento Humanizado  

Além do CPC, a Associação Peter Pan realiza dezesseis programas sociais. Essas iniciativas acompanham o paciente desde o primeiro contato com o hospital até o pós-tratamento. Somente no ano de 2020 foram realizadas cerca de 53.500 mil assistências, considerando a média de 4 programas sociais por criança, dentre elas destacam-se a distribuição de cestas nutricionais, reformas e adaptações de casas, doação de cadeiras de rodas, realização de sonhos, apoio a viagens para a realização de tratamentos e procedimentos cirúrgicos em outros estados e diversas outras ações que têm proporcionado melhor qualidade de vida às crianças e aos seus familiares.

“Conseguir a cura não é somente uma vitória do paciente. É uma conquista de todos que escolheram batalhar pela vida de cada um deles”, salienta Olga Freire, Presidente da Associação Peter Pan.  

Tratamento especializado

Há 17 anos, a APP vem realizando o importante trabalho de capacitar os profissionais de saúde, da capital e interior, em identificar precocemente a doença por meio de sinais e sintomas. Somente em 2019 foram capacitados cerca de 2.829 profissionais da capital e municípios de São Gonçalo do Amarante, Pacatuba, Itaitinga e Horizonte.

Além das capacitações, a entidade dispõe, em parceria com o Hospital Infantil Albert Sabin, de um ambulatório específico para Diagnóstico Precoce no Centro Pediátrico do Câncer, atendendo de segunda a sexta-feira.