9 lojas do Assaí no CE aderem ao mercado livre de energia

assai
A medida vai abranger todas as operações do Assaí e segundo a atacadista, no total 49, e potencializa as iniciativas em eficiência energética da empresa Foto: Freepik

O Assaí Atacadista migrará todas as suas lojas do Nordeste para o Mercado Livre de Energia até dezembro deste ano. A medida é parte da estratégia em eficiência energética da empresa e engloba o parque de lojas de 2020 na região, ou seja, as 49 unidades em funcionamento.

No Ceará estão localizadas 9 lojas: Bezerra de Menezes, Washington Soares, Parangaba, Cidade dos Funcionários, Caucaia, Juazeiro do Norte, Sobral, Maracanaú e Iguatu.

Energia limpa

O sistema de contratação livre é usado pela companhia há pouco mais de um ano e, até março de 2021, 45 lojas foram migradas para este sistema e a previsão é que mais 4 lojas sejam convertidas. 

“Migramos as nossas lojas para contarmos com uma energia mais limpa, uma vez que no mercado livre, optamos na utilização de matrizes 100% renováveis provenientes das fontes eólica, solar, biomassa e pequenas hidrelétricas. Além disso, é um sistema mais ágil e econômico, permitindo um canal direto entre o fornecedor de energia e o consumidor final”, conta Lucas Attademo, Gerente de Contas Públicas e Galerias do Assaí. 

Com a adesão e uso deste sistema na localidade e demais regiões do país, a companhia lidera a 2ª posição em número de unidades como consumidor especial, categoria em que a demanda contratada é maior ou igual a 500 KW e menor que 3.000KW, em número de unidades modeladas segundo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).   

Perspectiva

“Além da migração completa do nosso atual parque de lojas na região Nordeste e demais localidades do País, a perspectiva é darmos continuidade a esse planejamento em linha com o plano de expansão do Assaí. Assim, as unidades que serão inauguradas este ano serão convertidas ao longo de 2021 e assim por diante”, finaliza Attademo.