Supermercados: Associação quer captar 130 ton em alimentos

img1
As doações serão destinadas a pessoas que enfrentam dificuldades nesta pandemia

A Associação Cearense de Supermercados (ACESU) lançou este mês o “Movimento Super Solidário”, com o intuito de arrecadar alimentos até o dia 20 de agosto, beneficiando com cestas básicas pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade econômica devido à pandemia do coronavírus. Com a adesão de associados, redes associadas e parceiros, já estão garantidas mais de 130 toneladas de alimentos não-perecíveis.

Responsabilidade social 

Para o presidente da associação, Nidovando Pinheiro, a iniciativa é uma forma de os associados, em parceria com os clientes, cumprirem o papel de responsabilidade social. 

“A iniciativa contempla um movimento nacional dos supermercados. Vários associados e redes supermercadistas aderiram à causa. No entanto, os consumidores também podem entrar nesta corrente do bem com a doação de alimentos. O Movimento Super Solidário durará quatro meses e estamos otimistas que com a ajuda de todos atingiremos a nossa meta. Juntos podemos ajudar a quem precisa", declara.

Associados e redes supermercadistas associadas já se comprometeram a doar, durante quatro meses, cestas padrão com 11,15 Kg de alimentos cada, contendo arroz, açúcar, farinha, sal, massa de milho, macarrão, café e biscoito. Fornecedores e empresas parceiras estão sendo convidadas a aderir a este movimento.

Como contribuir

As lojas participantes da campanha estão disponibilizando ainda, em seus endereços, pontos de arrecadação para que os consumidores interessados possam contribuir. A doação também pode ser feita por meio do PIX da ACESU: 06962997000174.