SPC prorroga renegociação de dívidas até 23 de dezembro

calculadora
Entrar o ano sem o nome negativado no SPC e ainda pagando até 90% menos que o devido é uma oportunidade única para quem está com pendências Foto: Freepik

Ainda dá tempo de tirar pendências financeiras neste ano. O feirão on-line de renegociação de dívidas do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) que se encerraria ontem (domingo, dia 15) foi prorrogado até o dia 23 de dezembro.

Milhões de brasileiros com contas em atraso poderão aproveitar a segunda parcela do 13º salário, além da liberação do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), para quitar suas dívidas e começar o ano com o “nome limpo”.

O serviço é realizado em 11 capitais, incluindo Fortaleza. Além e São Paulo, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Goiânia, Cuiabá, São Luis, Teresina, Rio Branco e Manaus) e em mais quatro cidades do interior do país (Feira de Santana - BA, Ibirité – MG, Pato Branco – PR e Santo Antônio da Platina - PR).

Prioridade

“Quem está inadimplente deve priorizar o pagamento das contas utilizando o 13º e FGTS, por exemplo. Para isso, é importante fazer esforço e consumir com responsabilidade para não reincidir nos atrasos e começar o ano de 2020 no azul”, reforça o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior.

Como fazer

Os interessados podem verificar no site do feirão do SPC Brasil (https://www.spcbrasil.org.br/feirao/) se as empresas em que estão devendo aderiram ao programa. São mais de 147 empresas, desde bancos, consórcios, operadoras de telefonia, construtoras, supermercados e empresas do comércio e do ramo de serviços e mais de 1 milhão de títulos disponibilizados para renegociação com condições especiais para quem estiver interessado em regularizar as pendências. As facilidades contemplam desde um desconto no valor da dívida, que em alguns casos podem chegar a 90%, até a possibilidade de um parcelamento maior ou um novo prazo para quitar a dívida.