Marca Bradesco vale US$ 9,4 bi

brad
Os bancos tomaram as primeiras colocações em valor de mercado

O valor da soma das marcas mais valiosas do Brasil registrou um incremento de 11% em relação a 2018, alcançando US$ 69,9 bilhões. O avanço foi impulsionado principalmente pelo varejo, liderado pelo Magazine Luiza e seu crescimento de 276% em valor de marca.

A Renner, rede varejista de moda, aumentou o valor da sua marca em 132%. As 60 brands mais valiosas fazem parte de um ranking divulgado pelo Grupo WPP e Kantar, em parceria com a revista IstoÉ Dinheiro.

Neste ano, os bancos tomaram as primeiras colocações, com o Bradesco (US$ 9,4 bilhões) em primeiro lugar, após um crescimento de valor de marca de 35% e Itaú (US$ 8,3 bilhões)  na segunda colocação, também com um incremento de 35%.

O terceiro lugar ficou com a Skol (US$ 7,2 bilhões). Os Top 10 são: Bradesco, Itaú, Skol, Brahma, Globo, Antarctica, Magazine Luiza, Petrobras, Renner e Amil.