E-commerce projeta faturar R$ 4,9 bi no Dia da Criança 2020

online
Com o apelo aos pais, o varejo digital deverá experimentar um Dia da Criança com faturamento 78% maior para o e-commerce em 2020 Foto: Freepik

A 3ª melhor data para o varejo, o Dia da Criança, deve movimentar R$ 4,9 bilhões no varejo digital. O levantamento é da Neotrust/Compre&Confie.

Em crescimento exponencial, o e-commerce tem sido um grande aliado dos consumidores durante a pandemia.

Além de trazer mais comodidade e segurança, o varejo digital também traz mais variedade e economia na hora de presentear. Seguindo essa tendência, o Dia da Criança deve ser mais uma data de sucesso nas vendas online.

A movimentação financeira leva em consideração o período de 28 de setembro e 11 de outubro, cifra 78% maior em relação ao mesmo período no ano passado.

Comodidade

“Cada vez mais pessoas buscam por comodidade na hora de consumir. Além dos preços competitivos muitas vezes encontrados no varejo digital, a vantagem de comprar sem sair de casa tem atraído cada vez mais brasileiros para o ambiente digital na hora de presentear”, afirma André Dias, CEO da Neotrust/Compre&Confie.

Ainda segundo o executivo, os consumidores têm optado por comprar pela internet mesmo com a reabertura parcial das lojas físicas e shoppings. “Com a chegada da pandemia, esse novo hábito se consolidou por ser a alternativa mais segura na hora de comprar. O e-commerce manterá patamares de vendas elevados mesmo após o término da pandemia e possível chegada de uma vacina” conclui.