Florapac orienta sobre novos usos do MDF de alto padrão

flora
A Floraplac utiliza exclusivamente como matéria-prima o eucalipto, oriundo de florestas de replantio, o que evita o desmatamento e tem forte redução no impacto ambiental


Uma opção com ótima durabilidade e custo-benefício, ideal para projetos sofisticados e sob medida, o MDF é composto por fibras de madeiras selecionadas de Eucalipto reflorestado, aglutinadas com resina, sob ação de pressão e alta temperatura. Oferece grande resistência, homogeneidade e estabilidade dimensional.

A Floraplac, empresa referência na produção de MDF alto padrão, listou três vantagens desse material que é tendência no mercado.

Custo-benefício

Quando pensamos em durabilidade e qualidade, o MDF sempre aparece como melhor opção por conta do custo-benefício. O produto costuma ter preços mais acessíveis do que outros materiais como madeiras maciças, no entanto entrega o mesmo nível de qualidade e permanece resistente durante um longo tempo.

Projetos mais elaborados

Especialistas afirmam que moldar o MDF é mais fácil do que moldar madeira maciça, facilitando assim projetos mais elaborados. “Esse produto tem flexibilidade, fácil manuseio e conta com vasta gama de texturas e cores, o que torna mais fácil de trabalhar.”, explica Marcos Souza, professor de Marcenaria do SENAI – PA.

Ecologicamente Correto

O MDF tem fibras de madeira de reflorestamento – ou madeira reciclada, como muito chamam, por isso é considerado um material ecologicamente correto. A utilização do MDF evita o desmatamento e uso indiscriminado de árvores nativas da Amazônia.

Perfil

Há 10 anos, a Floraplac, primeira indústria de MDF da região amazônica, atua com um trabalho de excelência pautado na qualidade dos seus produtos, na responsabilidade socioambiental e na valorização dos seus colaboradores. Situada no município de Paragominas, no Pará, a Floraplac faz parte do Grupo Concrem, que há 30 anos é referência no segmento madeireiro, integrando ainda as empresas Concrem Wood e Expama.