Abertura de empresas no Ceará cresce 57% em junho

empresas
Os fechamentos de empresas no Estado apresentaram redução de 9,28% em junho deste ano, em comparação ao mesmo mês de 2019 Foto: Governo do Ceará

Ainda que diante do cenário de crise, com muitas empresas em dificuldades, o número de novos negócios registrados em junho deste ano no Ceará superou em 57,65% o número de registros realizados no mês anterior. 

Ao todo, 6.604 empresas foram abertas em junho no Ceará, enquanto que no mês de maio foram registradas 4.189 empresas, de acordo com a Junta Comercial do Estado do Ceará, autarquia vinculada à Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho.

Serviços e comércio

O setor de Serviços, novamente, foi o tipo mais demandado nas aberturas, com 3.340 registros, seguido do Comércio, com 2.618 empresas, e de 646 indústrias. De acordo com a presidente da Jucec, Carolina Monteiro, “os números apontam para uma retomada do crescimento das aberturas de empresas, em sua maioria pequenos negócios como os Microempreendedores Individuais, e podem ser decorrentes de novos modelos e oportunidade de negócios em meio a pandemia. Em paralelo a esse movimento, várias medidas de facilitação na abertura de empresas têm sido implementadas no estado, como o registro automático que possibilita abertura e baixa de empresas em minutos”.

Empresas fechadas

Os fechamentos de empresas apresentaram redução de 9,28% em junho deste ano, em comparação ao mesmo mês de 2019. Este ano, foram 2.043 extinções registradas na Jucec, contra 2.252 fechamentos realizados em junho de 2019. O setor que mais registrou encerramentos de empresas foi o de Serviços, com 1.003 registros de baixa.