Restaurantes autorais ganham incentivo do DFB Digifest

prato
O projeto “Marmita Chic” foi criado para minimizar os efeitos do isolamento social prolongado, que atingiu todos os setores da economia e, em especial, o segmento de restaurantes

Oito restaurantes de Fortaleza com expertise em culinária afetiva cearense, com pratos autorais, preços promocionais e subsídios de parceiros para redução de custos estão sendo estimulados pelo DFB Digifest 2020.

O projeto “Marmita Chic” foi criado para minimizar os efeitos do isolamento social prolongado, que atingiu todos os setores da economia e, em especial, o segmento de restaurantes. 

A iniciativa vai até 31/07. Os restaurantes participantes divulgarão uma série de pratos autorais, que levarão a assinatura “Marmita Chic”; a cada dia, um prato de determinado estabelecimento ganhará evidência nas redes sociais do DFB Digital. 

2 mil refeições

A expectativa inicial é que sejam comercializadas 2.000 refeições, incrementando a renda de um segmento profundamente afetado pela crise da covid-19. Para garantir essa performance, mantendo o espírito colaborativo do DFB DigiFest a iniciativa conta com importantes parcerias. Já a logística oficial das entregas fica por conta do aplicativo James Delivery, apoiador da ação, que vestiu a camisa da iniciativa, garantindo taxas diferenciadas para os restaurantes participantes.

Apoio

Outra apoiadora do projeto, a Coca-Cola doará uma latinha de refrigerante para cada pedido efetuado. Ao todo, cada restaurante receberá 500 latinhas. Garantindo um maior suporte aos restaurantes que integram o projeto, a Granja Regina doará insumos necessários para a execução dos pratos que serão comercializados. 

A seleção dos pratos seguirá o DNA de cada chef e seu respectivo restaurante, proporcionando o acesso ainda mais democrático à alta gastronomia cearense. A iniciativa leva a curadoria do chef João Lima e reunirá os seguintes estabelecimentos e chefs: Culinária da Van (chef Van Régia); Hey Joe (chef Fabiano Pedon); Joá (chef Krysten); Mar de Rosas (chef Eduardo Campelo); Mira (chef Marília, Aída e Rafael); O Banquete (chef Lili Pereira); Bar do Mar (chef Leo Gonçalves) e Zoi (chef Ivan Prado).

Impulso

O diretor geral do DFB DigiFest, Cláudio Silveira, ressalta que a missão do projeto “Marmita Chic” é impulsionar os negócios gastronômicos autorais, lembrando que "quanto menor forem os custos dos participantes, maior será seu lucro".

Durante o período da promoção, além dos pratos comercializados, o projeto “Marmita Chic" terá uma programação de lives no perfil do DFB DigiFest no Instagram, mediadas pelo Chef João Lima, que receberá tantos os chefs participantes para conversas e receitas online, quanto convidados de relevância para o segmento, abordando temas como "Histórias da gastronomia cearense" e “sinergias entre Moda e gastronomia”, entre outros.